Jornal Diário Jornal das 13 Último Jornal

Dominado fogo em Alvaiázere

| País
Porto Canal com Lusa

Alvaiázere, Leiria, 12 ago (Lusa) - O fogo que começou na sexta-feira em Alvaiázere, distrito de Leiria, foi dado como dominado hoje às 10:18, mantendo-se ativos dois incêndios, nos distritos de Viseu e de Braga, informou a Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC).

O incêndio de Alvaiázere, que deflagrou no final da tarde de sexta-feira, "está dominado", disse à agência Lusa o comandante da ANPC, Paulo Santos, referindo que um carro de bombeiros da corporação local "tombou lateralmente" no combate às chamas, provocando ferimentos ligeiros em cinco bombeiros.

De acordo com a mesma fonte, mantêm-se 182 operacionais no terreno para operações "de consolidação do rescaldo".

Paulo Santos explanou que há a probabilidade de "reativação de alguns dos incêndios dominados, mas, tendo em conta os meios instalados, o combate inicial será muito mais rápido", acreditando-se que os fogos dominados sofram pouca evolução.

De momento, encontram-se ativos dois incêndios.

Às 11:30, um fogo lavrava em Cinfães, distrito de Viseu, "sem oferecer perigo", mas em local de difícil acesso, e outro em Póvoa de Lanhoso, distrito de Braga, sendo que cada um dos incêndios mobilizava menos de 100 operacionais, referiu o comandante da ANPC.

Segundo Paulo Santos, registaram-se vários focos de incêndio durante a noite nos concelhos de Alvaiázere e de Pombal, sublinhando que, entre as 00:00 e as 08:00, foram contabilizados "55 focos de incêndio" no território nacional.

Em declarações à agência Lusa, a presidente da Câmara de Alvaiázere, Célia Marques, realçou que os focos de incêndio que foram sendo registados durante a noite e manhã no concelho "surgiram em sítios completamente opostos", rejeitando a possibilidade de terem sido resultado de projeções.

"Há suspeitas de que haja atuação criminosa", vincou a autarca, considerando que o próprio combate ao fogo foi mais complicado face à necessidade de dispersão dos meios para combater focos de incêndio que iam surgindo "em vários pontos do concelho".

JYGA // CSJ

Lusa/Fim

+ notícias: País

Sindicato entrega petição a presidente da Assembleia da República contra encerramentos dos CTT

O Sindicato Nacional dos Trabalhadores de Correios e Telecomunicações (SNTC) entrega esta quarta-feira uma petição, com 8.600 assinaturas, ao presidente da Assembleia da República contra o encerramento de 22 estações, no âmbito de um plano de reestruturação da empresa.

Quercus alerta para "potencial cancerígeno" no material que está a substituir amianto nas escolas

O material que está a substituir o amianto nas escolas é "pontencialmente cancerígeno" e inflamavel. O alerta é da Associação Ambientalista Quercus.

Número de mortos na sequência de incêndio em Tondela sobe para nove

Um homem morreu hoje no Hospital de São João, Porto, na sequência do incêndio de sábado em Vila Nova da Rainha, Tondela, elevando para nove o número de vítimas mortais do sinistro, disse fonte hospitalar.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.