Jornal das 13 Jornal Diário Último Jornal

Volume de negócios nos serviços acelerou no primeiro trimestre ao aumentar 7,1%

| Economia
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 11 ago (Lusa) - O crescimento do volume de negócios nos serviços acelerou no segundo trimestre ao subir 7,1%, quando nos três meses anteriores tinha aumentado 5,1%, enquanto na variação mensal abrandou em junho, anunciou hoje o INE.

"No 2.º trimestre de 2017, as vendas de serviços aumentaram 7,1% (5,1% no trimestre anterior)", refere o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Segundo os dados revelados, na variação mensal, "o índice de volume de negócios nos serviços passou de um crescimento homólogo de 7,0% em maio para 5,9% em junho".

Comparativamente com o mês anterior, o índice de volume de negócios nos serviços registou uma taxa de variação de 3,3% (depois de ter descido 1,3% em maio).

Os índices de emprego, de remunerações brutas e de horas trabalhadas ajustado de efeitos de calendário, apresentaram variações homólogas positivas em junho.

No caso do emprego, a subida foi de 3,6% (tinha sido 3,7% em maio), nas remunerações brutas o acréscimo foi 5,5% (4,7% em maio) e nas horas trabalhadas o aumento foi de 4% (3,4% em maio).

As áreas que mais contribuíram para a variação do índice agregado do volume de negócios foram o comércio por grosso (contribuição de 2,3 pontos percentuais), a reparação de veículos automóveis e motociclos e a de transportes e armazenagem (1,5 pontos percentuais) e variações homólogas de 4% e 10,5%, respetivamente (5,8% e 9,9% em maio).

No alojamento, restauração e similares o aumento foi o mais intenso em junho (13,5%) e a maior aceleração face ao mês anterior (2,2 pontos percentuais).

EA// ATR

Lusa/Fim

+ notícias: Economia

Seca: Algumas explorações no Alentejo não têm água suficiente para vinha e olival

Lisboa, 18 ago (Lusa) - As condições meteorológicas permitiram a realização dos trabalhos agrícolas, mas em algumas explorações a água disponível é insuficiente para as necessidades de culturas no Alentejo, como vinha e olival, ou para dar de beber aos animais, refere o INE.

Clima económico continua a subir em julho e atividade económica estabiliza em junho

Redação, 18 ago (Lusa) -- O indicador de clima económico em Portugal prosseguiu em julho a subida registada desde o início do ano, atingindo o máximo de 15 anos, e o indicador de atividade económica estabilizou em junho, divulgou hoje o INE.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

DESCUBRA MAIS

Nota Alta

"Todos nós estamos desenhados...