Jornal das 13 Jornal Diário Último Jornal

Sérgio Conceição: “Foi um jogo muito positivo”

| FC Porto
Porto Canal

Foi pelos adeptos que Sérgio Conceição começou a análise ao jogo em que o FC Porto goleou o Estoril (4-0) na estreia na Liga NOS: “É muito importante sentir esse apoio, esta paixão que eles sentem pelo clube e isso transmite-se para dentro do grupo de trabalho”, sublinhou.

Sobre o que se passou dentro das quatro linhas, o treinador destacou a justiça da vitória numa exibição à qual não deixou de apontar algumas falhas, mas que teve a atitude, a paixão, a entrega e a dedicação que quer ver sempre presentes, quer nos jogos, quer nos treinos.

O mar azul
“Tivemos um apoio fantástico dos adeptos, estamos a criar um verdadeiro mar azul e eles são verdadeiramente o nosso 12.º jogador. É muito importante sentirmos esse apoio, esta paixão que eles sentem pelo clube e isso transmite-se para dentro do grupo de trabalho, que também sente isso. Há uma coisa que posso prometer, podemos até empatar ou mesmo perder um jogo – espero que não – mas a atitude, a paixão, a entrega e a dedicação estarão sempre em campo.”

A justiça do resultado
“Foi uma vitória justa. Na primeira parte, em alguns momentos do jogo podíamos e devíamos ter circulado a bola de forma mais rápida, até para encontrar espaço perante o bloco médio/baixo do Estoril. Muitas vezes tivemos algumas dificuldades em encontrar um futebol mais de apoio e diversificar esse tipo de movimentos. Mas depois, com decorrer do jogo, com a nossa intensidade, a procura constante de condicionar o adversário, a forma como estamos vivos, presentes no jogo, surgiram naturalmente os outros golos.”

A ansiedade no primeiro jogo
“A pressão é sempre positiva. Naturalmente que os jogadores poderão sentir o início do campeonato, a necessidade de dar uma resposta igual à que foi dada na pré-época. Isso é natural e é algo que sabia que, com o jogo, se ia perdendo. É uma situação normal, não é só no FC Porto e no Estoril, em todas as equipas há essa ansiedade. É bom sinal, é sinal de que os jogadores ficam vivos, desconfiados do próprio adversário.”

A força do grupo
“Hoje ficaram jogadores de fora como o André André, o João Teixeira, o Sérgio Oliveira, o Indi, o Rafa, o Layún, que está doente. Todos eles, os que jogam e os que não jogam, fazem um FC Porto competitivo, com uma luta sã dentro do grupo de trabalho e penso que isso é o mais importante. Há alguma tristeza de alguns por não participarem, mas com as competições internas e com a Liga dos Campeões toda a gente vai ter oportunidade de jogar. O espírito solidário do grupo de trabalho também é uma das nossas forças.”

A lesão de Soares
“Será reavaliado amanhã. O departamento médico saberá mais em pormenor a gravidade da lesão. O que me foi passado pelo departamento médico, com quem estamos em total sintonia, é que ele estava a 100 por cento para o jogo, se não obviamente que eu não o teria utilizado. Foi o menos bom de um jogo muito positivo da nossa parte.”

A estreia oficial no Dragão
“Senti-me muito bem. Como disse na antevisão do jogo, é óbvio que estava emocionado por saber que ia ter a minha estreia como treinador principal num jogo oficial, mas hoje acordei completamente focado no jogo, no que tínhamos que fazer para ganhar.”

O FC Porto de Sérgio Conceição
“Tem a ver com uma ideia de jogo diferente, quero um FC Porto sempre com grande intensidade, com boa agressividade, a constante procura da bola, do golo, sempre de forma organizada e equilibrada também, que é importante, condicionando muito o jogo do adversário. Temos jogadores com essas características e tentamos ao máximo potenciar essa ideia de jogo. Não vai ser sempre assim, não vamos marcar sempre quatro golos, mas acho que desta forma estaremos mais perto de ganhar os três pontos.”

+ notícias: FC Porto

Sérgio Conceição quer vencer o Leipzig para cumprir o objetivo de "passar o grupo"

Sérgio Conceição, treinador do Futebol Clube do Porto, afirma que "o sucesso" dos azuis e brancos para o jogo frente ao Leipzig passa "por ser forte defensivamente e explorar as debilidades" dos alemães. O técnico garante o o objetivo do FC Porto é "passar a fase de grupos" da Liga dos Campeões rumo aos oitavos de final.

Brahimi: "O que vai ser mais importante amanhã é o espírito de grupo que teremos desde o início do jogo"

Brahimi, jogador do FC Porto, afirmou esta segunda-feira em conferência de imprensa em Leipzig que o mais importante no jogo de amanhã vai ser "o espírito de grupo" que vão encarar desde o início da partida e que estão confiantes de que vão fazer um "grande jogo" apesar de esperarem um "jogo equilibrado".

Equipa do FC Porto viaja para Leipzig para mais um jogo da Liga dos Campeões

A comitiva do FC Porto, liderada pelo presidente Jorge Nuno Pinto da Costa, segue viagem na manhã desta-segunda-feira, pelas 9h15, para a Alemanha, com destino a Leipzig, onde na terça-feira (19h45 de Portugal Continental) defronta o vice-campeão germânico, na terceira jornada do Grupo G da Liga dos Campeões.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

DESCUBRA MAIS

Nota Alta

Mazgani - "The Faintest Light"