Jornal das 13 Jornal Diário Último Jornal

Um fogo dominado em Mangualde, dois continuam ativos

| País
Porto Canal com Lusa

Dois dos três incêndios que deflagraram na tarde de domingo no concelho de Mangualde, distrito de Viseu, continuam ativos, enquanto o terceiro está em resolução, disse à agência Lusa fonte da Proteção Civil.

Continuam a lavrar os fogos em Abrunhosa-a-Velha e em Santiago de Cassurrães e Póvoa de Cervães, mas a situação está a evoluir favoravelmente, adiantou, pela 01:10, fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Viseu.

O fogo em Abrunhosa do Mato, na freguesia de Cunha Baixa, que deflagrou pelas 16:06, está em resolução e “sem perigo de propagação para além do perímetro já atingido”, mantendo-se no local cerca de 90 operacionais e 27 viaturas.

De acordo com a página da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) na internet, pela 01:30, os incêndios em Abrunhosa-a-Velha e em Santiago de Cassurrães e Póvoa de Cervães, mantinham-se ativos, mobilizando então um total de 360 operacionais, apoiados por 107 veículos.

De acordo com a ANPC, os três incêndios começaram num intervalo de tempo curto - de 17 minutos -, entre as 15:52 e as 16:09, nas freguesias de Abrunhosa-a-Velha, de Cunha Baixa e de Santiago de Cassurrães e Póvoa de Cervães.

+ notícias: País

Campanha eleitoral deixa algumas escolas sem professores

Há escolas do interior do país quase sem professores e funcionários, por causa da campanha eleitoral. As dispensas para participar em ações de campanha sao legais, mas condicionam o arranque escolar. No Agrupamento de Cinfães, por exemplo, estao em falta 12 docentes e dois funcionários.

Vacina contra a gripe gratuita para diabéticos e bombeiros

A vacina contra a gripe vai ser este ano pela primeira vez gratuita para os bombeiros e diabéticos, tendo o Estado adquirido 1,4 milhões de doses, mais 200 mil do que no ano passado.

Preço dos quartos para estudantes sobe 40% num ano

Há cada vez mais alunos com dificuldades em encontrar alojamento no Porto a preços acessíveis. O valor por quarto aumentou 40% desde o ano passado, devido à pressão turística e ao aumento de estudantes estrangeiros na cidade.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

DESCUBRA MAIS

Nota Alta

"Todos nós estamos desenhados...