Jornal das 13 Jornal Diário Último Jornal

Encontrado cadáver de jovem na Praia de Paramos, Espinho

| Norte
Porto Canal com Lusa

Um cadáver foi encontrado esta segunda-feira na Praia de Paramos, em Espinho, sendo que a Capitania do Porto do Douro acredita ser de um dos jovens afogados a 11 de junho, na Praia da Costa Verde, também em Espinho.

O comandante Rodrigues Campos revelou às agência Lusa, que vem coordenando as buscas para localização dos corpos, que o alerta foi dado esta manhã "por um popular que viu o cadáver no areal da Praia de Paramos e ligou para o 112".

A identidade da vítima ainda não foi apurada mas o mesmo responsável afirmou que: "É possível que seja um dos jovens".

A Polícia Marítima deslocou-se ao local e solicitou entretanto a intervenção da Polícia Judiciária, com vista a que o Ministério Público autorize a remoção do corpo e os devidos procedimentos médico-legais.

Os dois jovens que desapareceram a 11 de junho na Praia da Costa Verde, em Espinho, tinham 18 e 19 anos e eram residentes em Canedo, no concelho de Santa Maria da Feira.

Foram vistos pela última vez a debater-se no mar quando tentavam resgatar a bola com que pouco antes jogavam no areal.

Desde essa altura, as operações com vista à recuperação dos seus corpos chegaram a envolver diariamente cerca de 50 operacionais de diversas entidades, como as Capitanias do Douro e de Aveiro, a Marinha, a Força Aérea, a Estação de Salva Vidas do Douro, a Polícia Marítima, o Instituto de Socorros a Náufragos e várias corporações de bombeiros.

O gabinete de Psicologia da Polícia Marítima também prestou apoio a 15 familiares e amigos das vítimas, em parceria com os psicólogos das câmaras municipais de Espinho e Santa Maria da Feira.

Desde a passada quinta-feira, contudo, esse dispositivo foi sendo gradualmente reduzido, pelo que passou a envolver apenas os habituais meios terrestres que a Polícia Marítima afeta à época balnear, com o navio-patrulha da Marinha a percorrer a costa "em regime de oportunidade".

As corporações dos bombeiros de Espinho, Aguda e Esmoriz mantiveram-se, no entanto, ativas no terreno, sendo que os diversos nadadores-salvadores destacados para a vigilância das praias entre Leixões e Aveiro também receberam instruções da Capitania do Douro para se manterem "mais atentos" a indícios que ajudem a devolver os corpos das vítimas às respetivas famílias.

+ notícias: Norte

Alunos do Colégio Vieira de Castro em risco de perder o ano

O Colégio Vieira de Castro no Porto vai fechar em dezembro e obrigar cerca de 70 alunos a mudar de escola. Os pais foram surpreendidos com a notícia na última sexta-feira e dizem-se revoltados. Temem que os filhos possam perder o ano e alguns acreditam que a diretora já sabia do encerramento da escola antes do arranque do ano letivo.

Juíz do Porto desculpa violência doméstica com adultério da mulher

Há uma decisão do Tribunal da Relação do Porto que está a gerar polémica. O acórdão justifica a aplicação de uma pena mais leve a um homem que agrediu a mulher com o adultério desta. A decisão está a indignar várias associações que têm trabalhado para incentivar as mulheres a denunciarem violência doméstica.

Eduardo Vítor Rodrigues quer novas linhas no metro do Porto

Depois do "sim" à presidência do Conselho Metropolitano do Porto, Eduardo Vítor Rodrigues acredita no apoio de todos os líderes municipais para os desafios do mandato de quatro anos. Ao Porto Canal o presidente da Câmara de Gaia, que agora acumula novas funções, diz ambicionar novas linhas na rede do metro do Porto, para além de querer alternativas aos voos low cost se se voltarem a verificar casos como o cancelamento de viagens das companhias aéreas.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS

Nota Alta

'O Caminho Imperfeito': "quando se...

Glitter Show

Soap Porn - sabonetes que tratam da...