Jornal das 13 Jornal Diário Último Jornal

Gulbenkian cria fundo com dotação inicial de 500 mil euros para a região de Pedrógão Grande

| País
Porto Canal com Lusa

A Fundação Calouste Gulbenkian decidiu constituir um fundo especial de 500 mil euros, para apoio às organizações da sociedade civil da região de Pedrógão Grande, afetada pelos incêndios deste fim de semana.

Em comunicado, a Fundação informou que os 500 mil euros são a dotação inicial do fundo, e servem para "ajudar a minimizar as consequências" dos incêndios e da tragédia que afetou os municípios de Pedrógão Grande, Figueiró dos Vinhos e Castanheira de Pera, onde morreram pelo menos 61 pessoas.

"Em contacto com a União das Misericórdias Portuguesas, a Fundação está neste momento a acompanhar e a avaliar a situação no terreno", indica a nota hoje divulgada.

A Fundação Calouste Gulbenkian aproveitou ainda para expressar o seu pesar pelas vítimas dos incêndios.

O fogo em Pedrógão Grande, que causou pelo menos 61 mortos, deflagrou ao início da tarde de sábado numa área florestal em Escalos Fundeiros, em Pedrógão (distrito de Leiria), e alastrou-se aos municípios vizinhos de Castanheira de Pera e Figueiró dos Vinhos, obrigando a evacuar povoações ou deixando-as isoladas.

+ notícias: País

Inquérito mostra que famílias de crianças com cancro têm quebra de rendimentos superior a 500 euros

As famílias de crianças com cancro têm uma redução de proventos mensal superior a 500 euros, com quase dois terços dessas crianças e jovens sem apoio escolar individual ou ao domicílio, segundo os resultados de um inquérito hoje divulgados.

PJ acredita ter desmantelado grupo organizado de tráfico de droga

Cinco homens e quatro mulheres foram detidos pela Polícia Judiciária por suspeitas de pertecerem a um grupo organizado de tráfico de droga. A polícia acredita que Portugal seria a porta de entrada para a europa de grandes quantidades de cocaína por via marítima.

Quase 50 municípios afetados pelos fogos em alerta com a chegada das chuvas

Quase 50 municípios afetados pelos fogos podem ser alvo de enxurradas com a chegada da chuva e ficar com várias infraestruturas em risco. O alerta é dado pelo próprio Ministério do Ambiente sublinhando Vila Real, Alijó e Sabrosa como alguns dos concelhos nesta situação. O problema é que o fundo que servia para evitar as consequências negativas da chuva foi gasto com Pedrógão Grande.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

DESCUBRA MAIS

Nota Alta

"Todos nós estamos desenhados...