Jornal das 13 Jornal Diário Último Jornal

GNR resgata macaco encontrado na via pública em Almada

| País
Porto Canal com Lusa

Almada, Setúbal, 19 mai (Lusa) - A GNR resgatou um macaco que se encontrava na via pública na Charneca de Caparica, em Almada, tendo a proprietária sido identificada pelas autoridades, foi hoje anunciado.

"Na sequência de uma denúncia, a informar que se encontrava na via pública um primata, os militares deslocaram-se ao local, tendo procedido ao resgate do mesmo", refere a GNR, em comunicado.

A operação foi efetuada pelo Núcleo de Proteção Ambiental de Almada, com a proprietária a ser identificada, tendo sido elaborado o respetivo auto de contraordenação por violação do Comércio Internacional de Espécies da Fauna e da Flora Selvagem Ameaçadas de Extinção.

"A proprietária ficou como fiel depositária do primata até conclusão dos trâmites do processo por parte do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas", acrescenta.

AYL // MLS

Lusa/Fim

+ notícias: País

Livre acesso a consultas revela-se um sucesso no primeiro ano em vigor

A medida que permite aos utentes serem atendidos em hospitais fora da area de residência está a completar um ano e parece ser já um sucesso. Os dados indicam que mais de 166 mil utentes do Serviço Nacional de Saúde já escolheram um hospital diferente para terem uma primeira consulta da especialidade.

Doentes com ADSE vão passar a pagar 20% pelos medicamentos

A ADSE deixou de comparticipar na totalidade os medicamentos para os doentes com esclerose múltipla. Agora os doentes terão que pagar 20 por cento dos medicamentos o que poderá ultrapassar os 200 euros mensais. A decisão apanhou de surpresa os doentes e a Associação Todos com a Esclerose Multipla já denunciou o caso.

Défice de competências de leitura principal causa de "chumbo" no 2.º ano

Um estudo sobre a retenção dos alunos no 1.º ciclo do ensino básico revela que a primeira causa de repetência no 2.º ano é o défice de competências de leitura dos alunos.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

DESCUBRA MAIS