Jornal das 13 Jornal Diário Último Jornal

Timor-Leste: Presidente Lu-Olo dedica primeiras palavras a recordar Mário Carrascalão

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Díli, 19 mai (Lusa) - O Presidente timorense, Francisco Guterres Lu-Olo, dedicou as primeiras palavras do seu discurso de tomada de posse a homenagear o ex-vice-primeiro-ministro Mário Carrascalão, que morreu hoje aos 80 anos em Díli.

"Quero homenagear o ex-membro da Assembleia Constituinte e ex-vice-primeiro-ministro Mário Viegas Carrascalão, que nos deixou. Que a sua alma descanse e que a família possa encontrar força e conforto neste momento tão difícil par todos", disse.

"As minhas mais profundas condolências à família. Em meu nome pessoal e de toda a família", disse, pedindo depois a todos para que se levantassem.

Mário Viegas Carrascalão morreu hoje em Díli, aos 80 anos, ao que tudo indica vítima de um ataque cardíaco que sofreu quando conduzia o seu carro pessoal no centro da capital timorense.

O dirigente histórico timorense, que foi governador nomeado pela indonésia e vice-primeiro-ministro no IV Governo constitucional, liderado por Xanana Gusmão, foi condecorado na quinta-feira com o Grande Colar da Ordem de Timor-Leste pelo chefe de Estado Taur Matan Ruak, que termina hoje o seu mandato.

ASP // FPA

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

Maduro diz ser alvo de conspiração dos serviços secretos norte-americanos

O Presidente da Venezuela exigiu na segunda-feira aos Estados Unidos, México e Colômbia explicações sobre o seu alegado envolvimento numa conspiração que os serviços secretos norte-americano (CIA) estão a preparar para o derrubar.

Boeing diz que são precisos 637 mil pilotos até 2036

Washington, 25 jul (Lusa) - O fabricante aeronáutico Boeing prevê que sejam necessários mais 637 mil pilotos até 2036 para acompanhar o crescimento do tráfego aéreo, de acordo com um estudo divulgado hoje.

Trabalhadores sem-terra invadem fazenda da família de ministro brasileiro

São Paulo, Brasil, 25 jul (Lusa) - O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) ocupou hoje terras da família do ministro da Agricultura do Brasil, Blairo Maggi, em protesto conta a corrupção no país.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

DESCUBRA MAIS