Jornal das 13 Jornal Diário Último Jornal

Crescimento de 3,2% e défice de 1,4% "é uma hipótese" para este ano - Marcelo

| Política
Porto Canal com Lusa

Zagreb, 18 mai (Lusa) - O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, afirmou hoje que "é uma hipótese que não está afastada" Portugal conseguir este ano um crescimento económico à volta de 3,2% e um défice de 1,4%.

Marcelo Rebelo de Sousa referiu hoje estes números à conversa com deputados croatas, em Zagreb, a propósito da evolução da situação económica e financeira em Portugal, num momento de recolha de imagens, captado pela RTP.

Mais tarde, questionado pela RTP sobre onde foi buscar aqueles dois dados, o Presidente da República respondeu: "Eu disse que é uma hipótese que não está afastada o poder haver uma evolução positiva da economia, se ela vier de trás, que aponte para a confirmação destes números".

Marcelo Rebelo de Sousa disse que nunca divulgou estes dados "porque ninguém pode revelar uma realidade que não existe", e acrescentou: "Eu digo que é um dos cenários possíveis, um défice mais baixo e um crescimento mais alto".

IEL // JPS

Lusa/Fim

+ notícias: Política

António Costa apela a quem saiba de mais vítimas de Pedrógão Grande para informar PJ e MP

O primeiro-ministro, António Costa, apelou hoje a que quem tenha conhecimento de um maior número de vítimas no incêndio de Pedrógão Grande, em junho, o comunique de imediato à Polícia Judiciária e ao Ministério Público.

Constança Urbano de Sousa nega existência de "lista secreta" de vítimas de Pedrogão Grande

A Ministra da Administração Interna garantiu hoje que "não existe uma lista secreta" das vítimas mortais do incêndio de Pedrogão Grande, sublinhando que os nomes constam de um processo judicial que está em segredo de justiça.

BE quer "reconstrução" de direitos laborais e crescimento económico para todos

A coordenadora do Bloco de Esquerda (BE), Catarina Martins, pediu este domingo medidas para que o crescimento económico "chegue a todas as pessoas", defendendo "a reconstrução" de "direitos na legislação laboral que permitam a valorização de todos os salários".

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

DESCUBRA MAIS