Jornal Diário Jornal das 13 Último Jornal

Parlamento chumba resolução do CDS-PP pela rejeição do Programa de Estabilidade

| Política
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 21 abr (Lusa) - A maioria de esquerda chumbou hoje o projeto de resolução do CDS-PP que propunha a rejeição do Programa de Estabilidade 2017-2021 apresentado pelo Governo.

O projeto de resolução apresentado pelos centristas foi chumbado com os votos contra do PS, BE, PCP, PEV, tendo os votos favoráveis do PSD e do CDS-PP e a abstenção do PAN.

O CDS-PP tinha apresentado inicialmente uma resolução para a revisão do Programa de Estabilidade no sentido de retomar as reformas estruturais adotadas pelo anterior executivo, assim como políticas para o crescimento económico, que substituiu por um texto pedindo a sua rejeição.

Com a mesma votação foi ainda chumbado o projeto de resolução do CDS-PP que recomendava ao Governo que adotasse no Plano Nacional de Reformas "um conjunto de medidas que permitam colocar Portugal numa trajetória sustentada de crescimento económicos e do emprego".

ACL // ZO

Lusa/Fim

+ notícias: Política

Rui Moreira vai reunir-se com presidentes das juntas do Porto para aperfeiçoar descentralização

O presidente da Câmara Municipal do Porto, Rui Moreira, avançou na segunda-feira à noite que vai reunir "prontamente" com os sete presidentes das juntas de freguesias para "aperfeiçoar o modelo de descentralização".

Governo avança com obras de requalificação no IP3 entre Viseu e Coimbra

O Governo vai avançar com as obras no IP3, ficando a ligação Viseu-Coimbra com quatro vias e sem portagens. Apesar do anúncio já ter sido feito, os autarcas da região querem saber quando terão início as obras.

Autarca de Oliveira de Azeméis quer "concelho atrativo para viver, investir e trabalhar"

O Presidente da Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis disse que o investimento por parte do Estado em Oliveira de Azeméis "é residual" e quer que o Governo assuma o papel que lhe compete, no esforço por transformar o concelho num dos melhores do país "para viver, investir e trabalhar".

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.