Jornal das 13 Jornal Diário Último Jornal

Descobertos 47 crânios em cemitério clandestino no México

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Veracruz, México, 20 mar (Lusa) -- Quarenta e sete crânios e outros restos humanos foram encontrados num novo cemitério ilegal do estado mexicano de Veracruz, informou no domingo o procurador estatal, Jorge Winckler.

Alvarado encontra-se a 20 quilómetros do porto de Veracruz, onde foi descoberta, em setembro último, uma vala de onde foram retirados já 250 crânios e outros restos humanos, num total de mais de mil.

Segundo dados oficiais, de 2011 a 2016 foram descobertas naquele estado do oriente do México 258 valas clandestinas com pelo menos 463 cadáveres.

Durante a administração do governador de Veracruz Javier Duarte (2010-2016), que se encontra fugido da justiça, foi denunciado o desaparecimento de 5.785 pessoas, das quais 2.340 ainda não foram localizadas.

No novo cemitério ilegal de Alvarado foram encontradas oito fossas numa superfície de 120 metros quadrados, onde os peritos iniciaram as operações de escavação e de exumação dos restos mortais.

O procurador daquele estado explicou que dos 47 crânios exumados foram identificados como pertencendo a cinco pessoas dadas como desaparecidas no ano passado no porto de Veracruz.

DM // MP

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

Pelo menos 23 mortos em ataque contra autocarro de cristãos coptas no Egito

Pelo menos 23 pessoas morreram e 25 ficaram feridas hoje no Egito num ataque de homens armados a um autocarro que transportava cristãos coptas, informou o porta-voz do Ministério da Saúde, Khaled Mujahid.

Ex-primeiro-ministro grego Lucas Papademos ferido em explosão de engenho

O antigo primeiro-ministro grego, Lucas Papademos, ficou hoje ferido com gravidade após a explosão de uma carta armadilhada no interior do seu carro, que circulava no centro de Atenas, segundo autoridades locais.

Presidente do Brasil revoga decreto que autorizava uso de militares nas ruas de Brasília

O Presidente do Brasil, Michel Temer, revogou hoje um decreto que autorizava o uso de tropas das Forças Armadas em Brasília.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

DESCUBRA MAIS