Jornal das 13 Jornal Diário Último Jornal

Jorge Jesus diz que é preciso "ter cuidado com o lançamento" dos jovens

| Desporto
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 17 mar (Lusa) - O treinador do Sporting, Jorge Jesus, afirmou hoje que é necessário ter cuidado com o lançamento dos futebolistas jovens do plantel, dando como exemplo o caso de Gelson Martins.

"Temos que ter cuidado com o lançamento deles [jogadores]. Veja-se o caso do Gelson [Martins], que cresceu debaixo de outro grande jogador, como é o João Mário. Quando teve a oportunidade disse presente", começou por explicar, acrescentando: "Se há alguém que acreditou no [Daniel] Podence fui eu e ele sabe-o, pois sabe onde estava quando cheguei ao Sporting."

Na conferência de antevisão ao encontro de sábado diante do Nacional, em alvalade, o treinador 'leonino' voltou a abordar a larga ausência do lesionado Adrien Silva, mostrando-se, por outro lado, satisfeito pelas apostas que tem feito para o lugar do capitão dos 'leões'.

"O Adrien esteve esta época quase quatro meses sem jogar. A recuperação está boa, pelo que me dizem. Mas esta lesão obrigou-me a alguns ajustes, experiências... não direi inventar, porque quem joga tem qualidade. Mas acertei, o Bryan e o Bruno têm estado muito bem", declarou.

Quanto ao adversário da 26.ª jornada, Jorge Jesus salientou que a qualidade dos madeirenses não corresponde ao penúltimo lugar que ocupam na tabela.

"O Nacional é uma equipa que está a lutar para não descer e em que todos os jogos são uma final. As dificuldades que possamos ter não têm a ver com a classificação, não é por aí que os qualificamos. Dentro do que temos feito nos últimos cinco jogos, queremos ter um bom comportamento, boa qualidade de jogo e aliar isso a uma vitória", frisou.

Apesar de o Sporting estar fora luta pelo título nacional, o técnico deixou uma mensagem aos adeptos: "São especiais e, estando a equipa em terceiro lugar, eles não se afastam. Estão cada vez mais com esta equipa e temos a responsabilidade ganhar."

Ainda assim, Jorge Jesus referiu que ainda há um troféu importante para vencer, o de melhor marcador do campeonato.

"O Bas Dost pode procurar o título individual de melhor marcador e a equipa está a trabalhar com ele para isso. Há concorrência de qualidade de outros colegas, embora seja um objetivo", terminou.

No sábado, o Sporting, terceiro classificado com 51 pontos, recebe o Nacional, penúltimo com 17, no estádio José Alvalade, pelas 18:15, em jogo referente à 26.ª jornada da I Liga, que será ajuizado pelo árbitro Jorge Ferreira, da Associação de Futebol de Braga.

AYCO // VR

Lusa/Fim

+ notícias: Desporto

Maniche lembra a vontade de ganhar e "cotoveladas saudáveis" de Jorge Costa como formas da mística do FC Porto

Ganhar. É esta a palavra que Maniche, antigo jogador do FC Porto, define a mística do clube azul e branco. O médio centro relembra as cotoveladas de Jorge Costa como certa forma de mística transmitida no desejo de ganhar.

Maniche afirma que não renovou pelo SL Benfica porque Luís Filipe Vieira lhe queria impor José Veiga como empresário

Maniche, antigo jogador FC Porto, em entrevista ao Porto Canal, nesta segunda-feira, explica que não renovou pelo SL Benfica no ano de 2002 porque Luís Filipe Vieira lhe queria impor José Veiga como empresário.

Maniche afirma que o FC Porto tornou a final da Champions de 2004 “num jogo fácil”

Maniche afirma, em entrevista ao Porto Canal, nesta segunda-feira, que na final da Champions de 2004 frente ao AS Mónaco, o FC Porto sabia que tinha a “capacidade para ganhar” e que apesar de ser um jogo importante a equipa “tornou-o fácil”.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

DESCUBRA MAIS

Imperdíveis

Casa Ermelinda Freitas em Águas...