Info

PS de Coimbra quer que deputados do círculo "evitem" catástrofe no ensino superior

| Política
Fonte: Agência Lusa

Coimbra, 22 nov (Lusa) - O PS de Coimbra desafiou hoje todos os deputados eleitos pelo distrito a votarem favoravelmente as propostas socialistas que tentam evitar "uma catástrofe" na Universidade e no Instituto Politécnico de Coimbra.

A Federação Distrital de Coimbra, em articulação com o deputado socialista Rui Duarte, exortam os parlamentares da maioria "a influenciarem o sentido de voto das suas bancadas" referente às propostas do PS, que passam por manter a mesma regra que vigorou no ano anterior e garantirem assim a sustentabilidade do setor, através da reposição de verbas que não advêm diretamente da redução da massa salarial.

"Desafiamos todos os deputados eleitos pelo círculo de Coimbra a votarem favoravelmente estas propostas, atendendo que o ensino superior tem nesta cidade um impacto social e económico muito grande", sublinhou à agência Lusa o líder distrital do PS, Pedro Coimbra.

Os socialistas consideram que as suas propostas "permitem as contratações de pessoal docente e de investigação desde que não aumente o valor total das remunerações" e a reposição de 29,667 milhões de euros às Universidades e 11,744 milhões aos Politécnicos.

A Federação Distrital de Coimbra do PS e o deputado Rui Duarte, que integra a Comissão de Educação na Assembleia da República, manifestam ainda a sua solidariedade para com o Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas, "que tudo fez para garantir a via do diálogo com o Ministério da Educação e Ciência".

"A tomada de posição dos Reitores das Universidades portuguesas é um ponto final coerente na relação da deslealdade política e institucional do Governo para com as universidades portuguesas, pondo em risco a sua própria sustentabilidade e funcionamento", sublinham, em comunicado.

AMV // SSS

Lusa/fim

+ notícias: Política

Governo prevê aplicar 22 mil milhões de euros em 70 projetos do Plano Nacional de Investimento 2030

O Plano Nacional de Investimentos 2030 apresentado pelo Governo prevê aplicar quase 22 mil milhões de euros em mais de 70 projetos, sobretudo na área da mobilidade e dos transportes. Ainda assim há várias situações no Norte do país que continuam sem solução à vista.

Autarca do Centro Histórico do Porto denuncia "caos" causado por alojamento local ilegal

O presidente da Junta da União de Freguesias do Centro Histórico do Porto denunciou esta segunda-feira que o "caos" provocado pelo alojamento local, onde novos registos estão proibidos pelo menos por seis meses, é causado pelo alojamento "paralelo".

Autarca de Barcelos retoma funções e quer ir à Câmara presidir às reuniões

O presidente da Câmara de Barcelos, Miguel Costa Gomes (PS), retoma esta segunda-feira funções e vai pedir autorização ao juiz para se poder deslocar aos Paços do Concelho para as reuniões do executivo, disse um advogado do autarca.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.