Info

PS de Coimbra quer que deputados do círculo "evitem" catástrofe no ensino superior

| Política
Fonte: Agência Lusa

Coimbra, 22 nov (Lusa) - O PS de Coimbra desafiou hoje todos os deputados eleitos pelo distrito a votarem favoravelmente as propostas socialistas que tentam evitar "uma catástrofe" na Universidade e no Instituto Politécnico de Coimbra.

A Federação Distrital de Coimbra, em articulação com o deputado socialista Rui Duarte, exortam os parlamentares da maioria "a influenciarem o sentido de voto das suas bancadas" referente às propostas do PS, que passam por manter a mesma regra que vigorou no ano anterior e garantirem assim a sustentabilidade do setor, através da reposição de verbas que não advêm diretamente da redução da massa salarial.

"Desafiamos todos os deputados eleitos pelo círculo de Coimbra a votarem favoravelmente estas propostas, atendendo que o ensino superior tem nesta cidade um impacto social e económico muito grande", sublinhou à agência Lusa o líder distrital do PS, Pedro Coimbra.

Os socialistas consideram que as suas propostas "permitem as contratações de pessoal docente e de investigação desde que não aumente o valor total das remunerações" e a reposição de 29,667 milhões de euros às Universidades e 11,744 milhões aos Politécnicos.

A Federação Distrital de Coimbra do PS e o deputado Rui Duarte, que integra a Comissão de Educação na Assembleia da República, manifestam ainda a sua solidariedade para com o Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas, "que tudo fez para garantir a via do diálogo com o Ministério da Educação e Ciência".

"A tomada de posição dos Reitores das Universidades portuguesas é um ponto final coerente na relação da deslealdade política e institucional do Governo para com as universidades portuguesas, pondo em risco a sua própria sustentabilidade e funcionamento", sublinham, em comunicado.

AMV // SSS

Lusa/fim

+ notícias: Política

Vila Real e Bragança são dos distritos com mais eleitores 'fantasma'

Há mais 796 mil eleitores em Portugal do que pessoas habilitadas a votar e é em Vila Real, nos Açores e em Bragança que há mais eleitores quase fantasma. A emigração pode ser uma das razões.

Dezenas de autarcas constituídos arguidos no âmbito da Operação Éter

Hermínio Loureiro, ex-presidente da Câmara de Oliveira de Azeméis está entre as dezenas de autarcas que foram constituídos arguidos no âmbito da Operação Éter. Um processo que já levou à prisão preventiva do antigo presidente do Turismo do Porto e Norte de Portugal Melchior Moreira, por suspeitas de crimes de participação económica em negócio, falsificação e corrupção.

Conheça a nova constituição do Governo

                   

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.