Jornal das 13 Jornal Diário Último Jornal

Câmara de Póvoa de Lanhoso contrata irmã do presidente - PS fala em "escândalo"

Câmara de Póvoa de Lanhoso contrata irmã do presidente - PS fala em "escândalo"
| Norte
Porto Canal

O PS de Póvoa de Lanhoso classificou hoje de "escândalo pegado" a celebração de um contrato de avença entre o Município e a irmã do presidente da Câmara, uma professora aposentada, para prestação de "assessoria" ao vereador da Cultura.

"É um escândalo pegado, com um grau de promiscuidade incrível e inaceitável", referiu aos jornalistas o vereador do PS Frederico Castro, no final da reunião do executivo.

A Câmara de Póvoa de Lanhoso vai celebrar um contrato de avença com a irmã do presidente, Manuel Batista (PSD), num valor que se situará entre os 600 e os 700 euros mensais.

O vereador da Cultura, Armando Fernandes, disse que foi ele mesmo quem escolheu a irmã do presidente para o "assessorar" naquele pelouro.

"Será uma mais-valia para o Município", afirmou.

Para os vereadores do PS, trata-se de uma "clara situação de benefício de uma familiar" do presidente, lembrando que se o pelouro da Cultura precisava de contratar alguém havia formas "mais claras, limpas e transparentes" de o fazer.

"Há um regulamento para estas situações, que foi aprovado no final do anterior mandato, mas a Câmara pura e simplesmente não o quis aplicar, antes decidiu fazer tábua rasa dele e contratar a irmã do presidente", referiu a vereadora socialista Fátima Moreira.

Uma crítica refutada pelo vereador da Cultura, que sublinhou que "os instrumentos são todos claros e transparentes, nomeadamente a contratação por avença".

Os socialistas sublinharam ainda que "nunca até aqui o pelouro da Cultura tinha precisado de assessores".

A contratada tem 58 anos, é professora aposentada e até ao final deste ano vai prestar serviços gratuitos no Município.

A avença começará a vigorar no início do próximo ano.

O presidente da Câmara, Manuel Batista, não marcou presença na reunião de hoje, devido a uma deslocação ao estrangeiro.

+ notícias: Norte

Criança atacada por cão em Matosinhos está consciente e mãe já teve alta

A criança de quatro anos que na terça-feira foi atacada por um cão de raça Rottweiler, em Matosinhos, está consciente e a mãe, igualmente ferida, já teve alta hospitalar, informou à Lusa o pai.

Cão que atacou criança em Matosinhos fica "de quarentena pelo menos 15 dias"

O cão que na terça-feira atacou uma criança de quatro anos em Matosinhos, no distrito do Porto, vai ficar "de quarentena pelo menos durante 15 dias", adiantou hoje à Lusa fonte oficial da câmara.

Marcha pela Liberdade enche as ruas do Porto

Na cidade do Porto, a tarde das comemorações do 25 de Abril no Porto ficou marcada pela marcha que teve início no largo de Soares dos Reis, junto à ex-pide e que terminou na avenida dos Aliados.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

DESCUBRA MAIS

Imperdíveis

Casa de Saima, em Sangalhos, Anadia