"Há claramente um favorecimento do Governo à Câmara Municipal de Lisboa"

| Porto Canal

Tiago Girão, Diretor de Informação do Porto Canal, afirma que "há claramente um favorecimento do Governo à Câmara Municipal de Lisboa" na análise ao caso da venda de 11 imóveis da Segurança Social à autarquia lisboeta em que o preço foi 3,5 milhões de euros inferior ao valor de mercado.

O caso foi revelado pelo Tribunal de Contas e para o Diretor de Informação "não podemos continuar a fingir que nada está a acontecer" até porque prova que não existe um tratamento igual, por parte do Governo, a todas as autarquias do país.

Como forma de exmplo dá o caso da Câmara Municipal do Porto que quis adquirir um imóvel da mesma Segurança Social, e o preço, anunciado por Rui Moreira, foi três vezes superior ao valor de mercado. Ora este é um cenário que para Tiago Girão "não pode continuar a acontecer" e acrescente que "quem faz este tipo de negócio (lesivo para o Estado) tem que ser responsabilizado por má gestão".

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.